Énula-campana ( Inula helenium L. )

O nome helenium parece dever-se à famosa Helena da Guerra de Tróia, mulher de Menelau, que suou esta planta nos seus cuidados de saúde e beleza.

A énula-campana encontra-se nas regiões montanhosas. É uma planta vivaz que chega a alcançar 2 metros de altura e a raiz, bem desenvolvida, atinge mais ou menos 25 cm de comprimento e uma espessura de 5 cm de diâmetro. As flores começam a desabrochar no mês de Maio e apresentam uma cor amarelo-dourada, de aroma suave e sabor amargo.

Desde tempos remotos que são reconhecidas as virtudes curativas desta planta. Diz-se que Teofrasto enalteceu as suas propriedades medicinais. Santa Hildegarda atribui-lhe o poder de estimular a clarividência e a intuição.

Colheita: Colhem-se os capítulos amarelos conforme vão atingindo a plenitude, no Outono pode arrancar-se a raiz, mas só quando a planta não der sinais de renovação e a sua continuidade estiver assegurada pela presença de novas plantas bem desenvolvidas.

Conservação: Os capítulos mantêm a vitalidade e a cor mais ou menos 5 dias. Podem secar-se. Quando secos, conservam-se de 5 a 7 meses. A raiz conserva o vigor de 10 a 15 dias. Depois de seca, dura muitos anos.

Forma de utilização:

  • Capítulos frescos em emulsão.
  • Capítulos secos em infusão.
  • Raízes em decocção.

Indicações: A emulsão proporciona uma melhor eficácia, destacando-se os seguintes efeitos: purificante, antioxidante, vitamínico, estimulante e béquico. Deve tomar-se em jejum e no intervalo das refeições. A infusão proporciona principalmente os efeitos tónico e expectorante. A decocção proporciona em especial os efeitos depurativo, energético, expectorante, antiespasmódico e vermífugo. Podem tomar-se após o almoço.

Um litro de tisanas diariamente durante 5 dias consecutivos proporciona um estímulo muito eficaz para a visão e a memória.

As tisanas utilizam-se também para tratamento externo. A emulsão aplicada directamente proporciona melhor tonicidade, estimula a pigmentação e ao fim de 5 a 7 dias um tom bronzeado que protege das agressões ambientais. Os pachos quentes aliviam dores lombares, espasmos e ajudam a cicatrizar feridas.

Um tratamento interno e externo durante 5 dias consecutivos influi beneficamente na nossa saúde, na prevenção e cura de diversas doenças, como se pode comprovar pelo aumento de vitalidade e bem-estar geral. A énula-campana administrada corretamente é um excelente tratamento se saúde e beleza.

Fonte: Guia Ecológico das Plantas Aromáticas e Medicinais de Zélia Sakai

Pin It on Pinterest