sangue
Sangue – Expressão da individualidade.
Fiel representante da alma, que dá vida ao corpo.

O sangue percorre o sistema circulatório irrigando todos os tecidos do corpo. Leva as substâncias nutritivas e o oxigénio necessário ao metabolismo orgânico.

Remove os elementos residuais das células, conduzindo-os aos órgãos encarregados de eliminá-los (rins, pulmões e pele). É o principal agente responsável pelo transporte das hormonas, essenciais para manter as funções vitais. Protege o corpo da invasão e agressão de agentes estranhos, através da ação dos glóbulos brancos.

É formado por elementos sólidos: glóbulos vermelhos (hemácias), glóbulos brancos (leucócitos) e plaquetas. Esses constituintes encontram-se em suspensão, num componente líquido chamado plasma.

A ação do sangue constitui o fundamento da vida humana. Toda a dinâmica do organismo é caracterizada pelo estado do sangue, que o mantém em funcionamento. A nossa vida está diretamente relacionada com a vida do nosso sangue. A qualidade da vida depende do estado bioquímico do sangue. É portador da vida em seus aspectos físicos e energéticos.

No âmbito metafísico, o sangue reflete a atividade do pensamento, fluindo pelo nosso interior, conduzindo as novas ideias, mantendo a circulação da energia psíquica.

(….)

Na concepção metafísica, o sangue é considerado um fiel representante da alma, fluindo na vida através do corpo físico.

Sabemos que a alma é a essência da vida; o sangue, por sua vez, desempenha uma função primordial nesse sentido. Ele mantém todas as funções biológicas, suprindo o corpo com os nutrientes necessários para manter a vida orgânica. Assim, ele é um dos maiores referenciais da alma expressa no corpo físico. Viver com alegria e motivação é uma condição que propicia energia para o sangue; consequentemente, fortalece o corpo.

A maneira como nos conduzimos pela vida caracteriza o teor sanguíneo. A vontade de viver e nos relacionarmos com as situações diárias é um fator primordial para manter uma boa irrigação sanguínea. Gostar de viver, curtir cada instante da existência e se colocar por inteiro naquilo que se faz são atitudes saudáveis para manter as funções do sangue.

Fonte: Metafísica da Saúde vol. 2 Sistemas Circulatório, Urinário e Reprodutor (Adaptado)

Composto e postado por Ângela Barnabé

 

Pin It on Pinterest

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar no nosso site consente a utilização dos mesmos. Saiba mais sobre os cookies aqui

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close