endro

Endro (Anethum graveolens L.) – Aperitivo e antiflatulento

O endro é uma das plantas medicinais mais antigas: os Egípcios, os Gregos e os Romanos já a conheciam e apreciavam, usando-a como remédio e como condimento.

O seu aspecto é muito semelhante ao do funcho, e diz o médico espanhol do século XVI, Andrés de Laguna, que “se o gosto não fosse o juiz, facilmente se enganaria a vista, tomando um pelo outro”.

Efectivamente, o endro tem um sabor mais forte e picante do que o funcho, ainda que as propriedades de ambos sejam muito semelhantes.

Propriedades e Indicações:

As sementes do endro contêm uma essência (3%-4%), cujo componente mais importante é a carvona. É um poderoso carminativo (elimina os gases e flatulências intestinais), e aperitivo, além de diurético, galactagogo (aumenta a produção de leite) e ligeiramente sedativo. Também tem efeito emenagogo (estimula a menstruação).

As suas indicações mais importantes são os arrotos e os soluços infantis, assim como o excesso de gases no estômago (aerofagia) e as flatulências intestinais dos adultos (1).

Também se utiliza como sedativo no caso de vómitos, e como estimulante da secreção de leite nas mães que amamentam.

Preparação e emprego

Uso interno

1-Infusão com uma colher de sopa (mais ou menos 15 g) de sementes, em meio litro de água. Tomar 2 ou 3 chávenas diárias, depois das refeições.

Sinonímia científica: Anethum sowa Roxb.

Outros nomes: endro-ordinário, endrão, aneto, funcho-bastardo. Esp.: eneldo, aneto, anega, anisillo, hinojo [falso]. Fr.: aneth [odorant], fênoueli puant. Ing.: [garden] dill, dilly, sowa.

Habitat: Originário da Ásia Menor e atualmente disseminado, tanto em estado silvestre como cultivado, em toda a Europa mediterrânea e América.

Descrição: Planta herbácea da família das Umbelíferas, que atinge de 30 a 50 cm de altura. O caule é estriado e as flores, amarelas, estão dispostas em umbelas de 15 a 30 raios desiguais.

Partes utilizadas: as sementes.

Fonte: A Saúde pelas Plantas Medicinais, Vol.1, de Jorge D. Pamplona Roger

Composto e postado por Ângela Barnabé

 

Pin It on Pinterest

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar no nosso site consente a utilização dos mesmos. Saiba mais sobre os cookies aqui

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close