Feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) – Diurético e antidiabético

As sementes do feijoeiro têm uma grande importância na alimentação, não se devendo no entanto esquecer que, cruas, se tornam tóxicas, por conterem fasina, uma toxoalbumina que desaparece com a cozedura.

As sementes do feijoeiro, chamadas simplesmente feijões, eram, juntamente com o milho, a base da alimentação dos Maias e dos Astecas do México, que já cultivavam diversas variedades desta planta.

Nos princípios do século XX descobriu-se que as vagens do feijoeiro possuem interessantes propriedades.


Propriedades e Indicações:

As vagens contêm diversos aminoácidos, especialmente arginina; vitaminas A, B e C; sais minerais e oligoelementos; fibra vegetal e amido. As vagens do feijão apresentam três acções fundamentais:

-Diurética, devido aos sais minerais e à arginina. São isentas dos efeitos indesejáveis de alguns diuréticos químicos, como a perda de potássio. Esta propriedade torna-se de grande utilidade em caso de edema por insuficiência cardíaca ou renal, e na retenção de líquidos pré-menstrual (1,2). Também se usam em caso de gota e de cálculos renais, pois favorecem a eliminação de ácido úrico.

-Cardiotónica: Acção semelhante à da dedaleira, embora muito mais suave. Aumenta a força das contracções e o rendimento do coração (1,2).

-Hipoglicemiante: A decocção de vagens de feijoeiro usa-se para reduzir o nível de glicose (açúcar) no sangue.


Preparação e emprego

Uso interno

1-Como verdura: As vagens verdes cozidas podem-se comer temperadas com azeite e limão. Desta forma também possuem efeito hipoglicemiante, embora menos intenso que o da decocção.

2-Decocção de 100 g de vagens de feijoeiro secas, num litro de água, até que esta fique reduzida a metade. O líquido resultante vai-se tomando ao longo do dia.


As vagens de feijão contra a diabetes

A arginina é um aminoácido que abunda nas vagens do feijão. Tem uma acção semelhante à da glicoquina (insulina vegetal), que faz descer o nível de açúcar no sangue. Como tratamento complementar da diabetes, a decocção das vagens de feijão permite reduzir a dose de insulina ou de antidiabéticos orais. Esta redução deve ser controlada por um terapeuta.


Outros nomes: feijão. Esp.: judia, frejol, fríjol, habichuela, chaucha, poroto. Fr.: haricot vert. Ing.: bean.

Habitat: Originária do México e América Central, espalhado por todos os países do mundo.

Descrição: Planta anual da família das Leguminosas, de caule trepador, que atinge até 3 m de altura nalgumas variedades, e de caule rasteiro noutras. Os frutos são vagens verdes ou amarelas que contêm várias sementes com a forma aproximada de um rim.

Partes utilizadas: as vagens que envolvem as sementes.


Fonte: A Saúde pelas Plantas Medicinais, Vol.2, de Jorge D. Pamplona Roger

Pin It on Pinterest